Seu Portal de Notícias de Rondônia

Sexta-feira, 14 de Junho de 2024
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia

Saúde

Batata ou mandioca? Veja qual é melhor para a saúde, segundo especialistas

Versáteis e saborosas, ambas oferecem nutrientes importantes, mas será que uma é mais benéfica do que a outra? Saiba o que os especialistas dizem

José Alberto França de Lima
Por José Alberto França de Lima
Batata ou mandioca? Veja qual é melhor para a saúde, segundo especialistas
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Batata e mandioca são dois ingredientes presentes na culinária brasileira, sendo fontes versáteis de carboidratos para a alimentaçãoBatata e mandioca são dois ingredientes presentes na culinária brasileira, sendo fontes versáteis de carboidratos para a alimentaçãoYulia Naumenko/gustavo ramirez/GettyImages

 

batata inglesa e a mandioca são ingredientes bastante presentes na culinária brasileira. Além disso, são versáteis e podem ser servidas fritas, assadas, cozidas, na manteiga, na forma de purê ou como cremes. Tem quem prefira uma em relação a outra, mas, afinal, qual é melhor para a saúde?

Publicidade

Leia Também:

A verdade é que tanto a batata, quanto a mandioca, oferecem benefícios para a saúde, segundo especialistas consultados pela CNN. Ambas, por exemplo, são ricas em vitamina C, conforme explica a nutricionista funcional Helena Fioravanti.

“A mandioca é fonte de carboidratos, fibras, vitamina C e beta-caroteno. Ela oferece energia para o nosso corpo, ajuda no funcionamento do intestino, combate o envelhecimento celular e traz saciedade”, afirma. “Já a batata inglesa é fonte de carboidrato, potássio e vitamina C, oferece energia para o nosso corpo, ajuda no equilíbrio de eletrólitos e combate o envelhecimento celular”, completa.

Além disso, Andrea Marinho Marti, nutricionista responsável pelo Serviço de Nutrição do Hospital Santa Paula, acrescenta que a mandioca pode proporcionar o alívio de sintomas de artrite, prevenir a anemia, auxiliar no controle do colesterol e possui ação antioxidante e anti-inflamatória. “É muito indicada para praticantes de atividade física”, completa.

Mas, afinal, qual é melhor: batata ou mandioca?

Para responder a essa pergunta, é preciso entender as propriedades que cada tubérculo oferece e entender, também, as condições de saúde de cada pessoa e os objetivos individuais de cada um com a alimentação.

Por exemplo, para uma pessoa que quer emagrecer, a batata pode ser uma escolha mais benéfica. “A batata inglesa possui menos calorias em comparação com a mandioca. Entretanto, em qualquer dieta, não existem alimentos ‘mocinhos’ ou ‘vilões'”, afirma Marinho Marti.

Já Fioravanti afirma que ambas podem fazer parte da alimentação no processo de emagrecimento. “O que muda é o volume. A batata inglesa, por ter menos calorias, pode trazer mais volume em uma dieta para alguém com o objetivo de emagrecimento em relação a mandioca”, diz.

Para quem tem diabetes, qual é melhor?

Pessoas com diabetes precisam ficar atentas à alimentação, já que alguns alimentos possuem um índice glicêmico alto, ou seja, possuem alta capacidade de aumentar o nível de glicose no sangue. A batata e a mandioca, por serem carboidratos, geram dúvidas em relação a serem seguras ou não para o diabetes.

Segundo Marinho Marti, pacientes com diabetes podem consumir tanto batata inglesa, quanto mandioca. “Apesar de a mandioca possuir três vezes mais calorias do que a batata inglesa, ela leva vantagem por conter vitaminas C, A, B1 e B2”, explica a nutricionista. “Além disso, a mandioca possui um índice glicêmico mais baixo em comparação com a batata inglesa”, acrescenta.

Por outro lado, Fioravanti reforça que “pessoas com diabetes precisam de uma dieta com quantidades controladas de carboidratos”. “Lembrando que deve ser sempre acompanhado de fontes de proteína [carne, ovos, frango, peixe, frutos do mar, leguminosas, entre outras] e de gorduras [azeite, abacate, nozes, castanhas, etc.]”, orienta.

Nesse sentido, Daniel Magnoni, nutrólogo da Rede de Hospitais São Camilo, de São Paulo, acrescenta: “A pessoa com diabetes pode consumir tanto a mandioca quanto a batata, mas dentro das 50% das calorias oriundas de carboidrato, da mesma forma que o arroz”, afirma.

Compare a tabela nutricional da batata e da mandioca

Uma boa forma de conhecer os nutrientes e propriedades de qualquer alimento é conferindo a sua tabela nutricional. Ao fazer a comparação das informações nutricionais da batata e da mandioca, é possível notar algumas diferenças.

“Ao comparar as duas tabelas nutricionais, mesmo com a mandioca apresentando maior quantidade de calorias — o que pode ser ajustado –, os micronutrientes como cálcio, ferro e vitamina C são mais abundantes na mandioca. Portanto, os benefícios mencionados anteriormente são consideráveis”, afirma Marinho Marti.

Veja, a seguir, as composições nutricionais de 100 gramas de mandioca e de batata inglesa, de acordo com a TACO (Tabela Brasileira de Composição de Alimentos):

Composição de mandioca (100 g):

  • Valor energético: 160 kcal;
  • Fibra alimentar: 1,8 g;
  • Cálcio: 16 mg;
  • Ferro: 0,27 mg;
  • Magnésio: 21 mg;
  • Fósforo: 27 mg;
  • Potássio: 271 mg;
  • Vitamina C: 20,6 mg.

Composição da batata inglesa (100 g):

  • Valor energético: 51,6 kcal;
  • Fibra alimentar: 1,3 g;
  • Cálcio: 3,5 mg;
  • Ferro: 0,2 mg;
  • Magnésio: 5,4 mg;
  • Vitamina C: 3,8 mg.

Portanto, apesar de suas diferenças, tanto a batata, quanto a mandioca, quando preparadas de formas saudáveis (sem fritura), são benéficas para a saúde. “Ambas contribuem de forma positiva para a saúde de uma pessoa saudável, sem diabetes, desde que sejam combinadas de forma estratégica com proteínas e gorduras”, ressalta Fioravanti.

 

FONTE/CRÉDITOS: Gabriela Maraccinida CNN
Comentários:
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!